.

segunda-feira, 8 de maio de 2017

MEDIUNIDADE OU SURTO PSICÓTICO? EMEI. PEQUENA INCENTIVAÇÃO


Luiz Carlos Formiga

Participante do Primeiro EMEI, eu Luiz Carlos Formiga, tento explicar como surge a “vontade de escrever”.
Mediunidade ou surto psicótico?
A motivação surge quando meus olhos se molham, pelo tema, pelo problema, pela minha impotência, pela incompetência. Creio que isso é um problema psiquiátrico, pois escrevo para não me sentir omisso.
Já não penso em população alvo, se terei leitor e, se tiver, se ele vai me ajudar na divulgação. Todos estão sempre muito absorvidos pelos seus momentos pessoais.
Confesso que gostaria que me ajudassem, mas para isso acontecer acho que teria que ter uma “sacada genial”, capaz de lhes tocar as fibras mais íntimas e tornar úmidos seus olhos.
Acho que nem o aborto é tema capaz de realizar esse milagre.
Já escrevi sobre suicídio, drogas, AIDS, sexualidade e foi pequena a aceitação.
Não me lamento, pois aquele problema psiquiátrico, aquela sensação de omissão, desaparece e fica longe por muitos dias.
 Kardec diz que apenas 8,3% dos artigos de desencarnados, recebidos para publicação, poderiam ser divulgados e, destes, somente 5,5 apresentavam mérito. Dos artigos escritos por “encarnados” 20% apresentavam real valor.
Será que algum dos meus artigos estaria entre esses 20%?
Os blogs que os publicam estão comendo moscas?
 Numa rara oportunidade pensei  ouvir a voz de Marcondes, um espírito que fora leproso e viveu na Colônia do Curupaiti.
Veja abaixo.
Mediunidade ou surto psicótico?
Antes, permitam-me uma divagação, que é uma primeira informação.
Estive com o Dr. Reynaldo Leite, médium e Juiz de Direito num programa de TV, no Rio de Janeiro.
 Dr. Reynaldo “morreu” em 11 de maio de 2004. Deixou três filhos e dois netos. Dedicava-se à Doutrina Espírita trabalhando por sua divulgação em Programas de Rádio, TV e fazendo palestras, por todo o Brasil. Psicografou livros tendo sido um deles vertido para o Inglês.
Em São Paulo, SP, durante 37 anos foi um dos trabalhadores do Núcleo Assistencial Espírita Paz e Amor em Jesus e um dos seus fundadores.
Viajou aos Estados Unidos (Miami e New York) , Suécia (Estolcomo e Västeräs), Noruega (Oslo), França (Paris e Choisy de la Roy), Portugal (Lisboa e Sintra), Espanha (Madrid), Inglaterra (Londres), Peru (Lima e Arequipa), Japão (Tókio e Gumma-ken), Canadá (Montreal), figurando como orador no Congresso Mundial de Espiritismo sediado em Portugal (Lisboa). No ano 2000 esteve em Cuba.
Participou durante seis anos do programa “Evoluir”, na Rádio Boa Nova. AM 1450; na Rádio Mundial, programa “Arautos e Você”; no canal Comunitário de São Paulo, programa “Espiritismo com Reynaldo Leite”.
Produziu 92 cds e 200 palestras em vídeo.
Com Marcondinho estive no "leprosário".  Amigo de fé e irmão camarada.
Ele aprendeu a amar a Religião dos Espíritos, no Centro Espírita Filhos de Deus, a “Casa do Caminho”, em Jacarepaguá. Se sua mãe soubesse que a Hanseníase o deixaria cego, com braços e pernas atrofiados, numa cadeira de rodas, talvez fizesse a opção pelo aborto. Mesmo assim, trabalhava na desobsessão.
Outra divagação-informação.
Minha mulher passou por um aborto espontâneo. O que nos deixou marcados na alma. Tivemos que fazer opção diante de um surto de rubéola. Dois partos anteriores nos deram filhas normais. Mas, com o vírus da rubéola o papo é outro!
Decidimos confiar na Providência Divina e deixamos a gravidez prosseguir seu curso natural.
Ao mesmo tempo, com auxílio de uma colega da UFRJ, no Instituto de Microbiologia, realizamos exames laboratoriais com o soro da Sonia-gestante.
Chegamos à conclusão que era competente sob o ponto de vista Imunológico, mas havia a possibilidade do vírus romper a barreira de defesa. Diante da explicação, minha mulher seguiu confiante, mas o neném desistiu.
Retornemos ao estúdio de Televisão.
Quando o representante da TV me telefonou pedi para ligar no dia seguinte.
Procurei saída honrosa dizendo que necessitava estudar a agenda e as aulas marcadas na universidade.
Levantei-me cedo, decidido a dizer não. Afinal, poderiam usar o Plano B.
A pauta não me agradava. Sentia-me de saia justa e sapatos apertados.
Estava só, quando a voz falou-me dentro do cérebro: “Está com medo do tema complicado?”
Parecia a voz do Marcondinho.
Seus lábios retorcidos pela doença ofereciam um som característico, mesmo depois de morto?
Quem não tem medo de falar em público?
Imagine na TV!
“Estou fora!”
Mentalmente respondi que não me sentia confortável para falar de um tema como aquele.
A voz me desafiou a ir gravar o programa e ainda a abrir um espaço para dizer que “Hanseníase Tinha Cura.”
Senti-me paciente psiquiátrico, não sou médium ostensivo. Mas, depois do surto psicótico, como dizer não?
As luzes não estavam acesas, mas tudo já estava preparado.
Marcondinho foi descrito como espírito deformado pelo Dr. Reynaldo, médium-Juiz.  Mas, não foi no Centro Espírita, enfatizo que tudo se passou num estúdio de gravação de um programa de TV.
Sentados à mesa, o entrevistador, profissional de TV experimentado, Reynaldo Leite e eu.
A pauta era o aborto.
Creio que ali estava pela minha luta no Núcleo Espírita Universitário, em favor da vida intrauterina.
Antes do início do programa, Reynaldo relatou sua vidência.
Fiquei pasmo!
Disse-me:
Formiga, um espírito, que se diz seu amigo, me pediu para lhe dar um recado. Disse também que vai identificá-lo facilmente.
Ele surgiu ali na entrada, mas veio rolando pelo chão, apresentando-se com pernas e braços muito atrofiados. Postou-se a seu lado e disse que “estaria junto”.
Em seguida, exibindo radical transformação, pediu-me para lhe descrever na forma, como se encontra no mundo espiritual.
 Aí surgiu um belo espírito de luz.
Formiga, você o conhece?
Sim, eu o conhecia e aprendera a admirá-lo.
Abençoado surto psicótico, fiquei tranquilo, feliz e ainda fiz o meu comercial.

Hanseníase tem Cura!




1 Comentários:

  • Excelente artigo, me proporcionando uma grande emoção ao ler até o final e me fez lembrar a palestra: A TRAJETÓRIA DO SER ESPIRITUAL DA ANIMALIDADE À ANGELITUDE -- Irvênia Prada - 6º SIMESPE. https://www.youtube.com/watch?v=54Sf2Qg8CiE&spfreload=10

    E chamo a atenção para a parte 56:00 a 1:01:00, isto é, cinco minutos, onde ela esclarece a inverdade sobre "ANENCÉFALO". Inverdade essa cultuada para aprovar o aborto nessa questão, vejam e só depois não digam que não sabia.

    É com o mesmo incomodo para não ser omisso que faço esse pequeno comentário.

    "Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará."

    Abraços.
    Marcos Fonseca

    Por Blogger Marcao, às 9 de maio de 2017 08:37  

Postar um comentário

<< Home