.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

REDE DE INFORMAÇÕES

Fernando Rosemberg


Se escrevermos o vocábulo: ‘Informação’ em quaisquer sites de busca da Internet obteremos seus sinônimos de, por exemplo:

-Instrução;
-Notícia;
-Relação;
-Diretriz;
-Ordem;
-Preceito;
-Saber;
-Memória,
e etc., etc.

Mais recentemente, alguns sábios da Física Quântica têm se mostrado favoráveis à ideia de que o Universo: físico e astronômico, se nos patenteia como algo semelhante a uma complexa ‘Rede de Informações’; e, mais ainda, tais físicos têm concebido a Consciência humana não mais exatamente como um epifenômeno (produto cerebral), e sim, como Espírito mesmo, sendo o cérebro, pois, um efeito proveniente da Causa, do Espírito, da Consciência.

E isto é bem relevante, conquanto a indecisão dos que se demoram no ceticismo alegando que o ‘Universo é tão complexo e tão inteligente que ele dispensa a ideia de um Criador’, ou seja: de Deus. Sendo que, em nosso caso, deistas como o somos: tratamos logo de consertar tal assertiva, corrigindo-a por:

“O Universo é tão complexo e tão inteligente que exige a ideia de um Criador”!

Ora, por si só, ou seja, do nada, o Universo não poderia engendrar a Si mesmo, seus ordenados e complexos movimentos: seja de expansão, das rotas incríveis dos astros, estando Tudo regido por Leis matemáticas indiscutíveis. E nem poderia engendrar, como é óbvio, a complexidade das Leis que regem a evolução, a vida: do átomo à Consciência humana, e desta, até o infinito das mais altas inteligências que se presume haver no além de Tudo, dos mundos superiores, excelsos, do nosso total desconhecimento, e muito mais.

Mas, para que possamos melhor compreender o que é a tal da ‘Rede de Informações’, vamos partir de exemplos bem simples do nosso cotidiano e de fácil compreensão.

Quando estou escrevendo este texto, posso sentir que não estou só, pois penso rápido, escrevo rápido, e, pois, estou trabalhando não exatamente sozinho, mas, muito provavelmente, estou sendo inspirado, intuído, ou, quem sabe, algo mediunizado por informações que não são minhas, e que, se não sou louco e estou em plena saúde física e mental, algo existe além de mim, pois sinto sua leve presença, inspirativa e moral.

Logo, estou concebendo e percebendo ‘Informações’ não são só minhas, mas também do meu instrutor, do meu superior. De mim mesmo, e, dele mesmo, as recebo e as transmito para quem quiser recebê-las, assimilá-las, divulga-las, ou não.

Assim sendo, você mesmo: Leitor: quando ler este texto: você recebe a ‘Informação’, crê ou descrê do que digo, e, como conseqüência, poderá, ao registrar dita ‘Informação’, passa-la ou não passa-la adiante; mas você, em suma, captou a informação, e, só de pensar nela, só de lê-la, você é um “sujet” informacional: receptor como também transmissor sem o querer, pois recebemos tudo, e, tudo, transmitimos, seja do nosso gosto, ou não.

Outro exemplo: quando acolhe em tuas mãos uma pequena semente, qualquer semente, por exemplo, como o fiz, dias atrás: ou seja: de um saquinho de papel retirei algumas sementes de tomate, e, logo após, as enterrei, reguei, e, após alguns dias, ali estava brotando um saudável, e bem verdinho tomateiro.

Ora, o que operara o gatilho da semente de tomate que fora colocada na terra? Ela “percebera”, com suas ‘Informações’ mesmas, o novo ambiente em que se achava, e, com tais ‘Informações’, tratara de romper o seu pequeno casulo e de brotar um raminho para baixo e outro para cima, sendo que o debaixo se dividiria em distintas raízes, e, o outro, rompendo a terra de sobre si derramada, tratara de nos mostrar sua “cara” que, a partir daí, bem verdinho, e bem nutrido, trataria de crescer com seus caules, ramos e folhas, e, mais adiante, com seus frutos para a nossa nutrição.

Pois bem: donde a semente de tomate retirara tais ‘Informações’ suas para fazer tudo quanto fizera? Para um cético: do seu ‘dna’; mas, para um espiritualista, ou, um físico quântico, parece haver algo mais, ou seja: ‘Informação’ para que tal semente – bem como outras sementes, de modo igual - arrojasse de si tais informes, o que nos parece, e que não deixa de ser, algo um tanto mecânico, mas no fundo, no fundo, é representativo de alguma inteligência, de alguma sabedoria para produzir tudo quanto produz.

Ou, noutros termos: a semente, bem como toda semente: tem ‘Informação’ e passa adiante tais ‘Informações’, estas, agora, contidas nas sementes de seus frutos: o tomate de nossa nutrição.

Assim, pois, Tudo do nosso planeta, Tudo do nosso universo tão gigantesco como é, carrega, em si mesmo, algo da sabedoria, da inteligência de tal ‘Rede de Informações’, concebendo-se, tal ‘Rede’, como algo concebido pela Inteligência Suprema do Universo, em suma, de Deus: Nosso Soberano e Justo Criador.

Logo, os físicos quânticos estão corretos e confirmando com suas interessantes ideias da ‘Rede de Informações’, algo além da matéria, pois estão concebendo a matriz intelectual de Tudo: o Espírito, o elemento primordial de todas as coisas: de mim, de você, de todos nós.

Fernando Rosemberg Patrocinio:
Fundador de Casa Espírita, Coordenador de Estudos Doutrinários, Articulista, Palestrante e Escritor de cinco dezenas de e.Books gratuitos em seu blog.

4 Comentários:

  • Conheço Fernando Rosemberg desde priscas eras... Sabe DEUS de quando...
    E sempre aprendo algo viável e útil quando leio os incontáveis textos que ele elabora. Se nós prestarmos atenção nesse texto sobre a "Rede de Informações" veremos que ele não cita uma única vez a palavra Espiritismo ou Kardec... No entanto, o que registrou nessa inspirada, quase infantil historinha do tomate, encerra em si mesma toda a grandeza da Criação. Por extensão Fernando se comporta mais que um astrônomo, que é quem mais chega perto do macro, deduzindo pela Sabedoria e Poder, supremos, de DEUS. Vai além dos físicos quânticos, que melhor do que ninguém compreendem DEUS, na análise do micro. Apreciei essa maneira tão simples, inteligente e quase infantil do meu querido amigo Fernando responder, de outra forma, aquela pergunta que a criança fez para Santo Agostinho: onde DEUS está?
    (Como sempre, andou bem meu outro grande amigo e mestre Jorge Hessen em publicar)
    Eurípedes Kühl

    Por Blogger Euripedes Kuhl, às 17 de junho de 2017 14:25  

  • AMIGO EURÍPEDES KHUL, AMIGO HESSEN, AMIGOS OUTROS...

    QUANTA VERDADE REFLETE O COMENTÁRIO DO ILUSTRE ESPIRITISTA E ESCRITOR: EURÍPEDES KHUL: DE FATO NÓS TODOS NOS CONHECEMOS DESDE PRISCAS ERAS, POIS QUE HOJE, QUIÇÁ POR PROVAÇÃO, E POR MISSÃO, LABUTAMOS NESTA GRANDIOSA CONCEPÇÃO DO UNIVERSO ELABORADA PELOS ESPÍRITOS SUPERIORES, DE QUEM ESTAMOS APRENDENDO NESTA CORRENTE INFINITA DOS SERES, DOS ESPÍRITOS EM EVOLUÇÃO.

    MAS "PROTESTO" AMIGO EURI, QUANDO ALEGA QUE NÃO CITEI ESPIRITISMO OU KARDEC NO MEU HUMÍLIMO TEXTO, POIS QUE O FIZ NA REFERÊNCIA DA INTELIGÊNCIA SUPREMA, DE DEUS, QUE, AFINAL, CONSTA DO QUESTIONAMENTO PRIMEIRO DE "O LIVRO DOS ESPÍRITOS" (AK), FICANDO AQUI REGISTRADO, POIS, O MEU "PROTESTO" (rs rs rs...), OK?

    GRANDE ABRAÇO A TODOS, E, NO MAIS, MEU MUITO OBRIGADO AO HESSEN, AO EURI, E A TODOS OS AMIGOS ESPIRITISTAS, OU, SIMPLESMENTE, SIMPATIZANTES, DESTE ESPIRITISMO QUE TANTO AMAMOS: DE ALMA E CORAÇÃO!
    fernandorosembergpatrocinio.blogspot.com.br

    Por Blogger Fernando Rosemberg Patrocinio, às 19 de junho de 2017 05:02  

  • Douto Fernando:
    Data magna vênia, por este instrumento requeiro, de bom tom e grado, que sua pessoa de pensador especial, verifique "nos autos" que este réu não proferiu inconsistência no seu alcandorado texto. Digo mais: até ousou avalisá-lo.
    Pois que nestes termos aguarda que seu "protesto" seja reavaliado e, praza aos argumentos ora expostos, arquivado ad enternam. Sim, o que lucubrei foi que as palavras ESPIRITISMO e KARDEC não foram citadas. Mas, a bordo do bom senso, difícil não será captar que essa foi uma charada. rssssssss.
    Sim: pois o REBATE é espírita; O hessen, nem se fala; você e eu também.
    Daí que o texto só pode mesmo ser Espiritismo classe "A".
    (Hum... será que existe isso? Kardec que me perdoe).
    Pelo exposto, não mais do que prosperidade no requisito, face ser probante a iluminação da dúvida, fica o requerente em suspense, mas acreditando que será contemplado com o que ora requer.
    E é assim, nestes termos, que,
    P. Deferimento.
    (Ah!, Fernando, se eu estivéssemos perto iríamos brindar esses momentos de descontração e humor, com um cafezinho dos bons... junto com o Hessen)

    Por Blogger Euripedes Kuhl, às 19 de junho de 2017 09:45  

  • PREZADO EURI, PREZADO HESSEN, AMIGOS:

    TAIS PALAVRAS ÚLTIMAS DO EURI, ALIÁS, MUI SÁBIAS E GENEROSAS, QUE DESTACO:

    "Ah!, Fernando, se eu estivéssemos perto iríamos brindar esses momentos de descontração e humor, com um cafezinho dos bons... junto com o Hessen".

    RESSALTAM NOSSO COMPANHEIRISMO MÚTUO, CONQUANTO NOSSAS DIFERENÇAS DE ORDEM
    DOUTRINÁRIA, O QUE FALA, MAIS UMA VEZ, DA COMPLEXIDADE DO ESPIRITISMO E DAS
    MUITAS FORMAS DE SE VÊ-LO E DE SE ENCARÁ-LO COMO 'CIÊNCIA DO INFINITO'!

    AO QUE EU SAIBA, MAS ME CORRIJAM SE EU ESTIVER EQUIVOCADO, CONTA O MOVIMENTO
    ESPÍRITA ATUAL COM CERCA DE 2000 OBRAS ESPÍRITAS, MAIS OU MENOS CONFIÁVEIS,
    MAS QUE EVIDENCIAM A PUJANÇA DO 'MEB', SUAS OPINIÕES DIVERSIFICADAS, MAS
    QUE RATIFICAM O TEXTO BÍBLICO DE QUE:

    "Nos últimos dias, diz o Senhor, derramarei do meu Espírito sobre todos os povos, os seus filhos e as suas filhas profetizarão, os jovens terão visões, os velhos terão sonhos".(Opus Citado).

    E, LÓGICO, QUE, DE FUTURO, A TENDÊNCIA DE NOSSAS OPINIÕES SÃO NO SENTIDO DE UMA
    UNIFICAÇÃO NA "IMOBILIDADE" DA OBRA CONCLUÍDA NA PERFEIÇÃO DIVINA, E, COMO DITO
    E COLOCADO: ENTRE ASPAS; POIS QUE UMA VEZ LÁ CHEGADO, OBVIAMENTE QUE NOSSOS
    MOVIMENTOS SERÃO DE UM OUTRO TIPO, E NÃO NO DAS CORRERIAS E CANSEIRAS DA ORDEM
    EVOLUTIVA HOJE EXPERIMENTADA; POIS QUE LÁ, ESTAREMOS EM MOVIMENTO SIM, MAS NO
    DA OBRA PERFEITA, CONCLUÍDA E ACABADA.

    NOVAS CONGRATULAÇÕES: SAÚDE E PAZ COM JESUS:
    fernandorosembergpatrocinio.blogspot.com.br




    Por Blogger Fernando Rosemberg Patrocinio, às 24 de junho de 2017 04:21  

Postar um comentário

<< Home